quinta-feira, agosto 22, 2013

SIM, LEMINSKI:

*
sim leminski

o graffiti
é o limite

não tem poeta
que não imite

não tem selva
que não acre
dite

na página concreta
da cidade perversa

quem não tem mal
que evite

quem não tem pau
que apite

quem não tem sal
que edite

ijs

______________

Um comentário:

michèle sato disse...

lindo este poema ivan!
ameiiiii

vou copiar no meu blog, super valeu!
beijão