terça-feira, novembro 22, 2005

Epígrafe para a série das Minhas Musas

um poeta sem uma musa
está mais perdido que Homero cego
na cama com a Medusa

(não percam os próximos episódios...)

3 comentários:

Priscila disse...

Pardon

luana vignon disse...

olha só oque eu acabei de ler: "... as ruas com seus cinzas e neons passam rápidas pelos olhos complacentes dele e dela, numa despedida de um encontro que devia ter sido muito mais do que foi, apesar de já ter sido muito. Ausência na presença. Presença potencialmente na ausência."

luana vignon disse...

oi ivan, vc ta on line... estranho, eu to vendo vc mas não consigo abrir a caixa de diálogo, vouremover e instalar o msn de novo... beijo, de repente ainda da tempo...